Cazuza – Pro dia Nascer Feliz, O Musical!

FILIPETA-AZUL---NOVA-ARTE-09-18---B

Nesta sexta, dia 04 de outubro estreia no Theatro Net Rio, no Rio de Janeiro, “Cazuza –Pro dia Nascer Feliz, O Musical”. Com texto de Aloisio de Abreu e direção de João Fonseca, o mesmo diretor de “Tim Maia – Vale Tudo”, o musical tem tudo para ser mais um musical brasileiro de sucesso, com músicas inesquecíveis e história marcante, sobre a breve vida e carreira de Cazuza, o musical promete empolgar e emocionar o público.

Cazuza, um dos talentos mais marcantes da juventude brasileira dos anos 80, era dono de um talento instintivo e avassalador, o temperamento explosivo, a linguagem única e libertária fizeram dele um ícone sem precedentes na cultura contemporânea produzida no Brasil. Pela primeira vez contada nos palcos, sua trajetória será mostrada no musical, do início da carreira, no Circo Voador em 1981, até a morte em 1990, aos 32 anos. Seu sucesso no grupo Barão Vermelho, a carreira solo, a relação com os pais, amigos, as músicas, paixões, o comportamento e a coragem.

Para a construção do texto, Aloisio de Abreu partiu das conversas com pessoas próximas a Cazuza e fez uma ampla pesquisa para a criação da estrutura dramática do espetáculo. Como a vida do personagem foi curta e, ao mesmo tempo, muito intensa, o autor procurou contar a história de forma ágil, avançando sempre a partir dos momentos de virada na carreira e na vida dele: a descoberta do teatro, o gosto pelo rock, o momento em que resolve cantar, montar uma banda, se profissionalizar, o estouro, as brigas, a mudança no estilo de sua obra, o estrelato solo, a descoberta da doença, a urgência poética no fim das forças. Momento marcantes e decisivos de sua vida.. “As músicas se inserem quase como parte do texto. Estrutura de musical mesmo. Claro que tem momento show, mas a trajetória do Cazuza é contada através das letras e da poesia dele. Tudo no texto ‘faz parte do show’“, complementa.

Foto: Leo Aversa

A montagem dá continuidade à pesquisa desenvolvida por João Fonseca de uma cena musical brasileira mais despojada e teatral. “Este espetáculo é mais um passo do trabalho que comecei com ‘Gota d’água’ e que culminou no ‘Tim Maia’. É uma nova possibilidade de desenvolver e aperfeiçoar uma linguagem muito autoral de musical iniciada há alguns anos”. O diretor ainda conta “…tal como sua obra, a peça alterna momentos exagerados e de puro rock’n’roll a mais intimistas e delicados”.

O Cenógrafo Nello Marrese, disse ter pensado num cenário poético e limpo, com uma representação do Arpoador, um dos lugares preferidos do personagem. Além disso, complementa: “Concebemos três telas onde haverá projeções não realistas que remetem às cenas e canções, brincando com a estética da época. Imaginei um grande clipe, representando de maneira lúdica e simbólica a sucessão de acontecimentos na vida do Cazuza”.

Para os diretores musicais Daniel Rocha e Carlos Bauzys o maior desfio foi adaptar a obra de Cazuza tornando-a cênica e ao mesmo tempo empolgante e reconhecível ao público.

O espetáculo reúne alguns dos maiores sucessos de Cazuza em carreira solo ou no Barão Vermelho, como “Pro Dia Nascer Feliz” e “Codinome Beija Flor”. Canções como ‘Bete Balanço’, ‘Ideologia’, ‘O Tempo não para’, ‘Exagerado’, ‘Brasil’, ‘Preciso dizer que te amo’, ‘Faz parte do meu show’ estão presentes no roteiro, que reserva espaço também para composições de Cazuza que ele nunca chegou a gravar, como ‘Malandragem’, ‘Poema’ e ‘Mais Feliz’.

O ator e cantor Emílio Dantas viverá Cazuza no palco, teve aprovação unânime pela equipe. “Quando vi que a Lucinha estava no teste, fiquei desesperado. Não queria fazer feio na frente dela. João me mandou quatro cenas, mas só decorei duas. A saída foi incorporar a vibe do Cazuza, já entrei meio como naquela loucura dele no palco, fui sincero e falei que não tinha preparado nada. Busquei captar a essência do artista, sua postura na vida”, relata. Depois de ser escolhido para o papel, Emílio buscou assistir à vídeos, entrevistas, observou o antes e depois da doença, captou seu jeito de cantar, as gírias, o carioquês e a língua presa. O ator precisou emagrecer cinco quilos para o personagem: “Estava predisposto até a perder mais, mas chegamos ao consenso de que não seria necessário, porque há toda a fase dele saudável. Então, para representar a doença, vamos usar uma energia física mais baixa, maquiagem, luz e figurino”, finaliza.

Foto: Leo Aversa

Na lado de Emilio no elenco estão: Bruno Fraga, Bruno Narch, Bruno Sigrist, Dezo Mota, Juliane Bodini, Oscar Fabião, Saulo Segreto, Yasmin Gomlevsky, Osmar Silveira, Thiago Machado, Sheila Matos, André Dias.

O musical narra a “vida louca, vida” breve que marcou o percurso profissional e pessoal de Cazuza. A trajetória de um artista para quem “o tempo não para”. Um espetáculo repleto de muita ação, emoção, humor, histórias e músicas.

 

Equipe:

Texto de  Aloisio de Abreu

Direção Geral João Fonseca

Produção Geral Sandro Chaim

 

Direção Musical Daniel Rocha

Supervisão Musical Carlos Bauzys

Preparador Vocal Felipe Habib

Coreografias    Alex Neoral

Cenário Nello Marrese

Figurino  Carol Lobato

Visagismo  Juliana Mendes

Design de luz Daniela Sanches e Paulo Nenem

Design de som Gabriel D´Angelo

Apresentado pelo Ministério da Cultura

Realização: Miniatura 9, Chaim XYZ Produções

Patrocínio: Sulamérica, Sem Parar e Mills

Elenco:

Emílio Dantas (Cazuza), Susana Ribeiro (Lucinha Araújo), Marcelo Várzea (João Araújo), André Dias (Ezequiel Neves), Fabiano Medeiros (Ney Matogrosso), Yasmin Gomlevsky (Bebel Gilberto), Thiago Machado (Frejat), Bruno Fraga (Maurício Barros), Bruno Narch (Serginho), Bruno Sigrist (Guto Goffi), Saulo Segreto, (Dé Palmeira), Dezo Mota (Caetano Veloso), Juliane Bodini (Swing feminino), Oscar Fabião (Swing masculino), Osmar Silveira (sub Cazuza e Swing masculino) e Sheila Matos (sub Lucinha e Swing feminino).

Serviço

Cazuza Pro Dia Nascer Feliz, O Musical

Theatro Net Rio

Rua Siqueira Campos, 143, 2º Piso, Copacabana

Telefone: (21) 2147.8060

Estreia: dia 04 de outubro (sexta)

Horários:

Quinta e sexta – 21h

Sábados – 18h e 21h30

Domingo – 19h

Preços

Plateia e Frisas – R$ 150 inteira / R$ 75 meia

Balcão – R$ 100 inteira / R$ 50 meia

Vendas : www.ingressorapido.com.br  / 4003.1212

Classificação etária: 14 anos

Duração: 2h30 incluindo intervalo de 15min.

 Funcionamento da bilheteria: de 2ª a domingo, das 10h às 22h, inclusive feriados

Forma de pagamento: são aceitos todos os cartões de crédito e débito ou dinheiro. Não aceitam cheques.

MAIS INFORMAÇÕES

http://www.theatronetrio.com.br

*Fotos: Leo Aversa

 

About these ads

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: